Serviços / Gestão Ambiental de APP em Reservatórios

Gestão Ambiental de APP em Reservatórios

As áreas de preservação permanente em reservatórios, são, em geral, uma faixa com largura medida em metros que percorre as margens dos lagos formados pelos reservatórios, seja de hidrelétricas, de abastecimento ou irrigação. Esta área limítrofe entre o meio aquático e terrestre carrega consigo uma série de funções ecológicas, paisagísticas e de segurança, mas também um rol de regulamentações técnicas e legais para seu uso, gestão e preservação.

Como, por regra geral, gerir os processos referentes a estas áreas foge do escopo principal de atividade da empresa detentora da gestão destas áreas, que o tamanho da área, da complexidade e responsabilidade são bastante significativos, a Ecossis provê o Serviço de Gestão Ambiental de Áreas de Preservação Permanente.

Nossa equipe, detêm know-how para gerir todos os processos referentes a gestão destas áreas, mas também a estrutura de apoio logístico, de compras, de comunicação e marketing, de RH, de segurança do trabalho, credenciada em normas certificadoras e conselhos profissionais que são fundamentais para conferir a qualidade, agilidade e segurança que este processo necessita.

O trabalho é desenvolvido por meio de embarcações próprias, devidamento registradas, adaptadas e caracterizadas para este fim, camionetes 4×4, além de drone  e “backoffice” de geoprocessamento e equipe multidisciplinar para emissão de relatórios e pareceres sobre todos os aspectos referentes a gestão da APP.

Nossa equipe monitora dentro deste escopo, dentre outros aspectos solicitados pelo cliente, processos erosivos, invasão, pesca, proliferação de macrófitas, queimadas, depósito de lixo, danos à cercamento, nível do reservatório, podendo-se também incluir o monitoramento da qualidade da água.

A Gestão Ambiental de APP em Reservatórios tem como objetivo:

  • Proteção do solo prevenindo a ocorrência de desastres associados ao uso e ocupação inadequados de encostas e topos de morro;
  • Proteção dos corpos d’água, evitando enchentes, poluição das águas e assoreamento dos rios; a manutenção da permeabilidade do solo e do regime hídrico, prevenindo contra inundações e enxurradas, colaborando com a recarga de aquíferos e evitando o comprometimento do abastecimento público de água em qualidade e em quantidade;
  • A função ecológica de refúgio para a fauna e de corredores ecológicos que facilitam o fluxo gênico de fauna e flora, especialmente entre áreas verdes situadas no perímetro urbano e nas suas proximidades;
  • A atenuação de desequilíbrios climáticos interurbanos, tais como o excesso de aridez, o desconforto térmico e ambiental e o efeito “ilha de calor”.

A gestão ambiental das APP possibilita a valorização da paisagem e do patrimônio natural e construído (de valor ecológico, histórico, cultural, paisagístico e turístico). Esses espaços exercem, do mesmo modo, funções sociais e educativas relacionadas com a oferta de campos esportivos, áreas de lazer e recreação, oportunidades de encontro, contato com os elementos da natureza e educação ambiental (voltada para a sua conservação), proporcionando uma maior qualidade de vida às populações urbanas, que representam 84,4% da população do país.

Os estudos realizados geram conhecimento sobre a proporção de área urbanizada coberta por vegetação e o estado de conservação das APP em suas faixas marginais. A partir dessa realidade será possível subsidiar: a formulação de normas e parâmetros legais sobre o tema; o monitoramento e a definição de ações e estratégias da política ambiental; os processos de decisão a fim de preservar as APP e evitar a sua ocupação inadequada; o apoio aos programas de prevenção de desastres; a avaliação de potencialidades e necessidades na recuperação e preservação das APP.

 

Para saber mais informações sobre como a Ecossis pode ajudar a sua empresa com a Gestão Ambiental de Reservatório, preencha o formulário abaixo:

Principais Cases: