Saiba Mais

dica ambiental

Roubo de “dragões” encerra turismo na Ilha de Komodo

0

O dragão-de-komodo é a maior espécie de lagarto conhecido na Terra, eles vivem na ilha Indonésia de Komodo. Essa ilha é um dos pontos turísticos mais procurados do país, justamente por ser lar dos lagartos “dragões” que é um animal raríssimo e muito ameaçado. 

Embora a maior parte dos animais estejam protegidos dentro do parque nacional da ilha, muitos deles têm sido roubados e vendidos no exterior, onde seu valor supera facilmente os quatro dígitos. 

O roubo dos dragões tem gerado uma grande preocupação nos administradores do parque nacional, onde, somente no mês de março, mais de 40 dragões teriam sido roubados de Komodo para ser contrabandeados por caçadores furtivos.

Como uma medida de proteger os animais, o parque encerrará suas atividades turísticas por um ano a partir de janeiro de 2020. 

 

Além dos “dragões”, foram apreendidos ursos e catatuas. Outra tentativa de venda ilegal de cinco dragões-de-komodo no Facebook foi frustrada pelas autoridades. 

Com encerramento das atividades, no próximo ano, as autoridades da Ilha de Komodo vão iniciar um programa de conservação para aumentar a população dos dragões, que hoje é de 5,7 mil espécimes, enquanto preserva seu habitat. 

 

Conheça a Ecossis.

(fonte: exame.abril)