Project Details

Laudo Vegetal e de Fauna para empresa Dorf Ketal

ECOSSIS-C41-BASE-COMFUNDO_0000s_0037_LOGO-37-CREAM-RS-e1520018519501

Ano de inicio: 2019

Status: Finalizado

Tipo de empreendimento: Comércio e Serviços

Localização: Nova Santa Rita  Estado: RS

O manejo da vegetação nativa implica em impactos locais, principalmente sobre a fauna e flora, visando minimizar esses impactos a Ecossis Soluções Ambientais foi contratada pela empresa Dorf Ketal para realizar a elaboração do Laudo técnico de supressão vegetal e de fauna. 

A Dorf Ketal é uma empresa global de fabricação e fornecimento de produtos químicos especializada no tratamento de petróleo, localizada no município de Nova Santa Rita, no Estado do Rio Grande do Sul. 

A realização destes estudos teve como objetivo atender a notificação para complementação de documentos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Nova Santa Rita, referente a Supressão da vegetação nativa para ampliação de área de tancagem e ampliação de área para estacionamento. 

O Laudo técnico de supressão vegetal compreende:  

  • A descrição botânica dos vegetais a sofrerem supressão;  
  • Relatório fotográfico da área compatibilizada com a vegetação inventariada; 
  • Metodologia de análise utilizada na coleta dos dados em campo; 
  • Planta com a demarcação dos vegetais a serem suprimidos e 
  • Manifestação sobre presença de ninho, ninhada de aves e abelhas nativas e exóticas sobre os vegetais. 

O diagnóstico foi elaborado após a realização do reconhecimento a campo, as espécies foram identificadas pelos nomes vulgar e científicos, aquelas não reconhecidas in situ foram coletadas, herborizadas para posteriormente serem identificadas através de comparação com bibliografia e comparadas com herbário particular. 

O Laudo de Fauna, elaborado pela Ecossis, objetivou caracterizar a fauna local qualitativamente, identificando as espécies ocorrentes nas áreas onde foi realizada a supressão da vegetação nativa para expansão de área da indústria e ampliação do estacionamento. 

Para o levantamento da fauna terrestre foram utilizadas técnicas tradicionais de estudos aplicados ao monitoramento da fauna silvestre. 

O projeto teve início em novembro de 2019 e foi finalizado em janeiro de 2020. 

A equipe responsável pela execução deste projeto foi composta por 3 biólogos e 2 engenheiros ambientais. 

Open chat