Project Categories: Inventário Florestal

IAP

Inventário Florestal para o Instituto Ambiental do Paraná – IAP

ECOSSIS-C41-BASE-COMFUNDO_0000s_0038_LOGO-39-IAP-e1520018392799

Ano de inicio: 2014

Status: Finalizado

Tipo de empreendimento: 

Unidade de Serviços de Conservação

Localização: Piraquara  Estado: PR

Serviços Executados

Inventário Florestal

Inventário Florestal de Espécies Exóticas para o IAP, na Unidade de Conservação Floresta Estadual Metropolitana Estado do Paraná.

A Ecossis Soluções Ambientais foi contratada pelo IAP para inventariar as áreas reflorestadas existentes na Unidade de Conservação de Piraquara, visando estimar os estoques de madeira existentes na unidade.

As Unidades de Conservação estaduais integram o Sistema Nacional de Unidades de Conservação e tem como objetivo, entre outros, a proteção e manutenção da biodiversidade. A remoção de espécies exóticas das Unidades de Conservação possibilitará a recuperação ou restauração de ecossistemas degradados com a vegetação natural existente na área anteriormente a introdução das espécies exóticas.

Por outro lado os reflorestamentos existentes já estão em idade de corte e as explorações irão fornecer produto florestal comercializável. Por esta razão se faz necessário a realização de inventário para estimativa do estoque de madeira existente em cada unidade. A estimativa do volume fornecerá parâmetros para a realização de Edital para abertura de Concorrência Pública para comercialização da madeira proveniente dos reflorestamentos das unidades de conservação.

A Ecossis realizou o inventário florestal (levantamento de campo) nos 200 hectares da floresta metropolitana de Piraquara, através de técnica de amostragem aplicadas em campo, com limite de erro para o volume total de 10% e nível de probabilidade estatística de 95% em relação a estimativa total.

Os dados foram processados e gerado relatório de identificação dos estoques de madeira por finalidade potencial de uso (sortimento), para todas as classes de diâmetro por espécie (madeira para laminação, madeira para serraria, madeira para celulose e madeira restante), através de elementos de biometria e informática, para cada Unidade de Conservação.

 

 

Saiba Mais
Inventario Florestal para a SANEPAR

Inventario Florestal para a SANEPAR

ECOSSIS-C41-BASE-COMFUNDO_0000s_0020_LOGO-21-SANEPAR-e1519842294525

Ano de inicio: 2016

Status: Finalizado

Tipo de empreendimento: PCH/CGH

Localização: São José do Pinhais  Estado: PR

Serviços Executados

Inventário Florestal

Ecossis elaborou para a SANEPAR o Inventário Florestal para a fase II da Barragem  Miringuava no Município de São José dos Pinhais – PR.

A equipe técnica da Ecossis elaborou para a SANEPAR o Inventário Florestal para a fase II da Barragem  Miringuava, localizada no Município de São José dos Pinhais no Paraná.

Na região da barragem estão localizadas diversas unidades de Conservação, entre elas podemos destacar: Parque Nacional Guaricana que faz fronteira direta com a área do reservatório, Parque Nacional Saint-Hilaire/Lange, APA Estadual do Rio Verde; APA Estadual do Passaúna; Floresta Nacional do Açungui; APA Estadual do Iraí; Floresta Estadual Metropolitana; APA Estadual de Piraquara.

A região de interesse do presente estudo pertence à unidade fitogeográfica da Floresta Ombrófila Mista (floresta de araucária), sendo que a área do reservatório ocupa predominantemente locais ciliares e de altitudes abaixo de 905m.  A Floresta Ombrófila Mista, popularmente conhecida como “mata-de-araucária” ou “pinheral” (IBGE, 2012), é uma formação vegetal cujo desenvolvimento está intimamente associado à altitude.

O levantamento florístico foi realizado através da metodologia de caminhamento (FILGUEIRAS et al. 1994), procurando percorrer toda extensão do estudo em questão. Ao longo dos trechos percorridos foram identificadas as principais espécies vegetais das mais variadas formas de vida (ervas, arbustos, árvores, lianas e epífitas), realizando registro fotográfico dos indivíduos férteis (com flor ou frutos). O método do caminhamento constituiu-se em três etapas:

  • Reconhecimento dos tipos de vegetação (fitofisionomias) presentes na área de estudo;
  • Elaboração da lista das espécies (nome popular e científico) encontradas no local;
  • Organização e processamento dos dados levantados em forma de tabelas e gráficos.

As espécies não identificadas em campo foram coletadas para posterior identificação com o auxílio de bibliografia especializada em escritório.

Para a área diretamente afetada pelo lago/reservatório de 4,308 Km2 (correspondente à lâmina de água no nível máximo normal de operação do reservatório, na cota 905,000 m), todas as espécies arbóreas ameaçadas de extinção foram levantadas através do censo 100%.

Saiba Mais
prosenge

Inventário Florestal para licenciamento de empreendimento Hidrelétrico

prosenge

Ano de inicio: 2018

Status: Finalizado

Tipo de empreendimento: Infraestrutura e Saneamento

Localização: Esmeralda  Estado: RS

Ecossis Soluções Ambientais, empresa de consultoria ambiental, elaborou o Inventário Florestal para o licenciamento da Central Geradora Hidrelétrica da Prossenge denomina CGH Bruna, a ser instalada no Rio do Frade, município de Esmeralda-RS.

Todo processo de licenciamento ambiental exige que diversos estudos e projetos ambientais sejam executados no empreendimento, neste projeto foram realizados os serviços de Inventário Florestal e Laudo de Cobertura Vegetal assim como o Resgate de Flora.

Os Inventários Florestais, assim como Laudos de Cobertura Vegetal, permitem diagnosticar a flora de um determinado local, qualitativamente e quantitativamente. O inventário florestal deve contemplar objetivamente o que está sendo observado no momento do estudo e não ser baseado em hipóteses.

Para a plena execução deste projeto, o plano de trabalho foi elaborado contemplando as seguintes etapas:

  • Mapa da cobertura vegetal, identificando as principais fitofisionomias impactadas pelo empreendimento;
  • Identificar e descrever os corredores ecológicos existentes. Avaliar o grau e conservação destes corredores ecológicos e as conexões existentes com outros fragmentos;
  • Levantamento fitossociológico arbóreo/arbustivo, contemplando a estrutura horizontal com objetivo de caracterizar a sua composição florística, estágio sucessional por formação florestal e ecossistema associado e condição de preservação.
  • Identificação dos estágios sucessionais das formações florestais do Bioma Mata Atlântica;
  • Levantamento fitossociológico da vegetação herbácea-subarbustiva, cactáceas, assim como de epífitas, reófitas, rupícolas e/ou rupestres;
  • Identificação e indicação das espécies da flora com interesse conservacionista que poderão ser objeto de resgate;

Todos os dados coletados foram inseridos em um mapa ou croqui, da área do empreendimento, indicando se o mesmo localiza-se no bioma Mata Atlântica, informando a localização das formações vegetais identificadas e estimativa da área de supressão (em hectares) ocupada por vegetação campestre e florestal, especificando os espécimes imunes ao corte, raros, endêmicos ou ameaçados de extinção e dos afloramentos rochosos, da cobertura de cada formação florestal/campestre identificada, assim como todos os recursos hídricos existentes nas áreas e suas respectivas APP, devidamente cotados.

Para concluir o estudo, apresentou-se um relatório, contendo todas as fórmulas e cálculos para caracterização da vegetação, bem como o método e o sistema de amostragem adotados, comprovados através da curva espécie/área e as unidades amostrais (UA) indicadas em planta específica, contendo também a interface com o empreendimento e a tipologia identificada.

Saiba Mais

Inventário Florestal para o DNIT

CASES-VERSAO-QUADRADA-800X800-PEDIDO-TAMIRISECOSSIS-2020-by-bkstgdigital-DNIT

Ano de inicio: 2020

Status: Em execução

Tipo de empreendimento: Órgão Público

Localização Estado: TO

Serviços Executados

Inventário Florestal

Ecossis foi contratada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes – DNIT, para elaboração do Inventário Florestal na faixa de domínio da BR-010 no estado do Tocantins. 

O objetivo principal da realização do Inventário Florestal para esta faixa da BR-010/TO é a identificação da vegetação para fins de intervenção em área de Preservação Permanente, poda, corte e extração.  

O Inventário Florestal na faixa de domínio da BR-010, que compreende os trechos entre o km 181,4 e o km 321,8 localizados nos municípios de Príncipe e Silvanópolis em Tocantins faz parte do processo de obtenção do Licenciamento Ambiental necessário para a execução das Obras de Restauração e Melhoramento previstas para os segmentos 1 e 2 da BR. 

Obras de uma Rodovia geram intervenções nas populações da flora (vegetação viária) presentes na área de influência direta, tais como: a supressão da vegetação para a construção de canteiros, manutenção, conservação e operação rodoviária, entre outros, sendo necessário desenvolver estudos específicos que subsidiem o adequado manejo florestal, além de proposições de medidas mitigadoras específicas, como por exemplo, o resgate de epífitas, sementes e o transplante de plântulas e de exemplares de espécies imunes ao corte ou ameaçadas de extinção. 

A elaboração do Inventário Florestal, realizado pela Ecossis, contêm os seguintes aspectos:  

  • Caracterização e classificação dos estágios sucessionais da Vegetação existente entre o Km 181,4 e o KM 321,8 da Rodovia BR-010/TO 
  • Mapeamento, Obtenção de dados e Quantificação da área;  
  • Levantamento Florístico e Fitossociológico 
  • Identificação das espécies raras, endêmicas e ameaçadas de extinção; 
  • Apresentação de Quadro de Áreas;  
  • Estimativa da Supressão de Vegetação (volume);  
  • Identificação de Áreas de Preservação Permanente;  
  • Mapeamento de espécimes ameaçados de extinção e  
  • Proposição de medidas mitigadoras e compensatórias. 
Saiba Mais
Open chat